quarta-feira, setembro 06, 2006

O homem é bom? E o que o caracol tem com isso?

Passei muito anos fazendo análise no consultório de um profissional. E durante este tempo, meu tema preferido, minha grande questão era saber- homem é bom ou não? Se existe uma índole original boa que vai se estragando- ou não- ou se o homem já nasce com uma natureza vamos dizer assim , próxima a do escorpião.
Essa pergunta é tão difícil de responder , que de repente comecei a ver até em trabalhos escritos, o meu analista se fazer a mesma indagação. Até hoje estou sem resposta. Melhor assim. Se eu pensasse que sim, o homem é bom, teria a vida aí me trazendo dúvidas todos os dias. E se ao contrário, achasse que de fato e de maneira geral, o homem não é flor que se cheire e é preciso estar sempre em guarda, ia preferir me mudar para Marte.
Conheço pessoas adoráveis que me deixam tranquila com relação a minha condição humana. Oba! Somos uma "turminha legal". Mas também vejo coisas inacreditáveis nos jornais, na televisão e até com mais proximidade, sobre a bestialidade de que é capaz a humanidade. por uma desculpa ou outra. Se é a lei da sobrevivencia, se é neurose, psicose , psicopatia, nem quero saber. O que me interessa é continuar com essa dúvida no ar, com a esperança do homem ter sido feito para ser bom. A imagem e semelhança de Deus, como querem as religiões.
Já estive em situações interessantes onde vi, por estar numa comunidade muito propicia, pessoas despirem temporariamente suas neuras e ficarem amigáveis, relaxadas e desarmadas junto as outras. Isso acontece e é um fenomeno bem bacana. No entanto vejo também aqui na net por exemplo, pessoas se queixando de que alguém -ou alguéns ou diversos, multiplos alguéns- entra no blog de amigos e deixa recados se fazendo passar por outras pessoas e provavelmente deixando mensagens ruins, desaforados- Se fosse coisa boa ninguém ia reclamar do impostor, acredito. E ai, mais uma vez me assisto pasma diante do desperdício da possibilidade de ser bom( nao no sentido piegas do bonzinho, mas no sentido amplo, no que diz respeito a formação do caráter).
A internet é como se fosse um outro país, um outro espaço, uma virtualidade que permitiria aos mais cretinos dos sujeitos, uma segunda chance. Uma oportunidade de ser legal, enfim. Mas tem gente que prefere não ferir a sua natureza "escorpionica", não do signo, mas do bichinho - aquela coisa de ter que dar a ferroada e deixar o seu veneno. É é aí que entra o caracol. Acho que somos como caracóis. Aonde vamos, carregamos a nossa "casa" e tudo que ela contém. A sujeira debaixo do tapete, tudo mesmo. E que se viva com isso, até onde for possível para cada um.
Comentários:
Eu já fui vítima de chatos na internet, credo!!! Nunca fiz análise, mas tenho vontade...bom feriado!

 
Vim só dar um oizinho e aí não resisto a comentar ...
Este assunto funde a cuca, né? Já questionei muito isto. Mas cheguei a algumas conclusões. Tem bons e ruíns! Eu já me encontrei a pensar malvadamente... e não me gostei! Resolví que não é minha praia e devo aprender a conviver com não saber ser mázinha num mundo arrogante. Quando se tem postura firme a coisa convence e até assusta... difícil explicar...
Sempre me sentia a boazinha fraca, me entende? tudo me derrubava. Quando assumí a bondade como força os maus me temem. Estou quase convencida que isto é genético mas que a vida vai moldando e que sempre haverá dois lados. E alguns pulam a cerca....
Que confusão, dios mio, deu pra me entender?
Respondendo a tua pergunta lá, não volto logo (a postar). Vou curtir o bebê que vai nascer e estarei entrando pouco na net.Estou feliz! Quando sobra um tempinho visito alguns amigos. Brigado por dizer que minhas poesias são lindas, eu me surpreendo com elogios mas é muito gostoso recebê-los.
Abração Jasmine (minha netinha vai ser Jasmim).

 
Que bom que esclareceu sobre o escorpião, meu signo! (rs*)
Já fui vítima de comentários maldosos no blogue, mas estamos expostos aqui e salta aos olhos a maldade. Deveríamos reclamar quando alguém nos elogia?
O caracol, acho que é a nossa personalidade. Carregamos sim e queremos que ela fique registrada por onde passamos.
Quanto ao homem ser bom, ele é. Como também é mau. Para se proteger o homem age instintivamente.
Bom feriado!! Beijus

 
acho q a vida toda de analise não nos responderia e nem nos ajudaria a entender sabe...rs! Tb fico na dúvida como vc...bjs e bom fds!

 
Acho que concordo com você: o homem é muito assustado e tem muito medo do que a vida pode lhe fazer se não estiver com seu caracolzinho protetor. Acho que os "maus" são aqueles que preferem atacar antes. Mal sabem eles que muita coisa pode ser evitada apenas colocando a cabeça para dentro e esperando a ameaça passar. Beijos, bom fim de semana!

 
Não sabia que vc era carioca...Mora aqui no RJ????
É amiga essas coisas ainda me chocam, só espero que um dia essa nossa situação mude.
Bjokas.

 
jasmine,
o homem é bom, é mau, é bom,é mau, é bom,é mau, é bom,é mau, é bom,é mau, é bom,é mau, é bom,é mau..
Ops, nessa margarida deu mal. Vamos ver na próxima.
bj

 
Postar um comentário



<< Home
Recadinho de rodapé